Não deixe sua imunidade baixar!

5842

Sua imunidade anda baixa? Ou, melhor ainda, você não quer dar chance para que nenhum mal afete a sua saúde? Aposte em um prato de comida bem equilibrado, principalmente com os ingredientes certos. “Os alimentos são ricos em vitaminas, minerais e outras substâncias que auxiliam na manutenção do sistema imunológico”, afirma Ioná Zalcman, mestre em nutrição pela Universidade Federal de São Paulo. De acordo com a nutricionista, atingir a recomendação diária de consumo de frutas e vegetais já garante uma defesa melhor. “O consumo deve ser de cinco porções por dia: três frutas e dois vegetais”, completa. A seguir, confira a lista de alimentos que podem ajudar o seu organismo a se defender e o que pode baixar sua imunidade.

VITAMINA C : Aumenta a produção das células de defesa, que tem efeito direto sobre as bactérias e vírus aumentando assim a sua a resistência a infecções.

VITAMINA E: Atua em conjunto com as vitaminas A e C e com o mineral selênio, agindo como antioxidante, o que retarda o envelhecimento.

VITAMINA A: Tem ação anti-inflamatória.

Vitamina B6: Aumenta a imunidade geral do organismo. Tem ação protetora contra o câncer, e ajuda a controlar alguns tipos de diabetes.

Selênio (Se): Antioxidante, imunoestimulante, desintoxicante e anti-inflamatório.
Alimentos: Frutos do mar, vísceras, alho, cebola, milho,cereais integrais (aveia, quinua) cogumelo,levedo cerveja, castanha do pará, ovos caipira.

Zinco (Zn): Atua na reparação dos tecidos e na cicatrização de ferimentos.

O QUE PODE BAIXAR SUA IMUNIDADE?
• Dietas ricas em açucares, principalmente o refinado, pois interferem na capacidade das células brancas do sangue (defesa) de destruir as bactérias;
• O consumo de álcool interfere em várias respostas imunológicas, sendo que isso pode estar ligado a certas infecções e até algumas formas de câncer;
• O consumo de gorduras em excesso reduz a atividade das células protetoras e prejudica a resposta imunológica. Mas alguns tipos de gorduras são benéficas, como é o exemplo do azeite de oliva;
• Magreza (baixo peso) e obesidade (excesso de peso) estão associadas a um sistema imunológico debilitado. A obesidade aumenta o risco de infecções. Dietas restritas em calorias enfraquecem nossas defesas;
• Exercícios físicos regulares fortalecem o sistema imunológico, aumentando a atividade das células protetoras. Entretanto, exercícios muito intensos e prolongados podem em curto prazo aumentar o risco de infecções;
• O estresse pode debilitar nossas defesas, aumentando as chances de infecções. Controlar o estresse é fundamental.

  • Compartilhe:
  • Pin It