As Diferentes Prisões

1156821_handcuffs

Uma das prisões que pode atingir o ser humano é aquela que o aprisiona pelo lado de dentro, acorrentando a alma. Essa prisão não restringe os movimentos do corpo, mas confina pensamentos e controla a emoção.

Diversas doenças psíquicas causam esse tipo de prisão, entre as quais a dependência psicológica das drogas. Nenhuma espécie ama tanto a liberdade como a espécie humana, e nenhuma outra consegue perdê-la com mais facilidade. Há muitas perguntas intrigantes ligadas às dificuldades que o homem tem em ser líder do seu próprio mundo.

Por exemplo, por que o homem governa com relativa habilidade o mundo que o rodeia, mas tem enorme dificuldade de administrar seus pensamentos negativos, suas reações impulsivas e sua dor emocional? Por que ele é tão sábio quando está em tranqüilidade, mas perde a lucidez e a coerência quando está em tensão?

O cárcere da emoção manifesta as mais variadas faces: a depressão, os transtornos obsessivos, a síndrome do pânico, a timidez, a ansiedade, o medo de expor idéias em público, o ciúme fatal e o vício das drogas, que hoje prende milhões no mundo.

É bom lembrar que quem está aprisionado exteriormente por barras de ferro, ainda pode ser livre para pensar e sentir, mas quem é prisioneiro interiormente na sua emoção, no âmago da sua alma, além de perder a liberdade de pensar e sentir perde também o encanto pela vida. Nunca antes vimos no mundo tantas vítimas de misérias emocionais.

O Senhor Jesus Cristo nos traz, por meio da Palavra, uma sugestão maravilhosa para sair das prisões emocionais: “e conhecereis a verdade e ela vos libertará” (João 8:32). “Não vos embriagueis com vinho, mas enchei-vos do Espírito Santo” (Efésios 5:18). “Todas as coisas me são lícitas, mas nem todas as coisas convêm. Todas as coisas me são lícitas; mas eu não me deixarei dominar por nenhuma delas” (1 Coríntios 6:12). “E sede praticantes da Palavra e não somente ouvintes, enganando-vos a vós mesmos” (Tiago 1:22).

Há solução para a prisão emocional! Entregue-se a Deus!

Sérgio Alves
Ministro do Evangelho

  • Compartilhe:
  • Pin It